ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Equipa do Consulado de Portugal estreia-se na segunda divisão do futebol macaense
Revista PORT.COM • 20-Jan-2017
Equipa do Consulado de Portugal estreia-se na segunda divisão do futebol macaense



O cônsul Vítor Sereno não tem conhecimento de nenhuma outra representação diplomática portuguesa, ou de qualquer outro país, a competir oficial, desportiva e federadamente num campeonato de futebol.

A equipa de futebol do consulado de Portugal em Macau estreia-se, em 2017, na segunda divisão do campeonato local, depois de, no ano passado, ter terminado a época nos lugares de subida do terceiro escalão, alcançando a segunda promoção em dois anos. No primeiro jogo, realizado na semana passada, conquistou uma vitória promissora, por 3-0.

Na apresentação à imprensa, o cônsul Vítor Sereno recordou os objetivos que movem a equipa desde a sua fundação, em 2013, na sequência da reativação de uma equipa já existente, o Clube Futebol Benfica de Macau: "Mais do que um projeto competitivo, este é, como eu sempre disse, um projeto diplomático pioneiro a nível mundial. Que seja do meu conhecimento, não existe uma representação diplomática portuguesa ou de qualquer outro país a competir oficial, desportiva e federadamente num campeonato de futebol", disse o cônsul.

Vítor Sereno acrescentou que "à diplomacia tradicional, económica, e à diplomacia cultural", aliou-se "o desporto como uma atividade para juntar comunidades", fomentar "a participação dos portugueses na vida de Macau" e estreitar "os laços históricos" que Portugal às "regiões administrativas especiais de Macau e de Hong Kong" e com os "amigos da República Popular da China".

Vítor Sereno destacou que nos últimos quatro anos, "graças ao desporto e ao futebol em particular", desenvolveram "uma relação privilegiada com as autoridades oficiais chinesas da Ilha da Montanha, de cidades importantes na província de Cantão, na ilha de Hainan, mas também de outros países como as Filipinas, Vietname, Camboja, Indonésia ou Tailândia".

Além de usado como instrumento diplomático, o futebol serviu para cimentar um "espírito de equipa" dentro do próprio consulado. "Num plantel de 23 jogadores, seis fazem ou fizeram parte da equipa de trabalho [do consulado], incluindo o cônsul-geral, que, aos 46 anos, vai fazendo pela vida e tentando marcar golos, pelo menos os mesmos 11 que marcou na época passada", concluiu.

Para além do conjunto do Consulado, na segunda divisão do campeonato de Macau joga a equipa da associação Casa de Portugal.


Etiquetas
Partilhar

OPINIÃO
Os efeitos do medo do coronavírus...
Daniel Bastos
Historiador
Novo Coronavírus provoca epidemia com desfecho imprevisível
Alfredo Martins
Internista e Coordenador do NEDResp
InPortugal 2020 Paris quer desenvolver nova rede de embaixadores
Ricardo Simões
Diretor do InPortugal
DISCURSO DIRETO
A Fundação ISS e o apoio na África Lusófona
Eulalia Devesa, Diretora da Fundação ISS Mais Um Sorriso
PORTUGAL
«Cada vez faz menos sentido falar de emigração»
José Cesário, Deputado do PSD
PORTUGAL
O Projeto de Mobilidade na CPLP
Augusto Santos Silva, Ministro dos Negócios estrangeiros
PORTUGAL
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ