ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Foto Discurso Direto
Embaixadora do Reino Unido em Portugal
2017-11-14
As relações económicas têm uma dimensão humana importante

O Reino Unido quer construir uma nova, positiva e construtiva parceria com a União Europeia para substituir a relação institucional de que estamos a sair. Queremos que esta nova parceria inclua um acordo comercial abrangente, dando às empresas europeias e britânicas a máxima liberdade para negociarem e operarem em ambos os mercados.

Além de uma forte relação com a UE, queremos proteger e reforçar as nossas relações bilaterais com os parceiros europeus, incluindo Portugal, com quem partilhamos uma longa história e uma forte relação, inclusivamente a nível económico.

O Reino Unido é uma das poucas grandes economias europeias com quem Portugal tem um saldo comercial positivo. Em 2016, Portugal exportou 7.5 mil milhões de Euros de bens e serviços para o Reino Unido, que, por sua vez, exportou cerca de 3.3 mil milhões de Euros de bens e serviços para Portugal. Somos o 4º maior mercado de destino para os bens portugueses e o maior para os serviços. Nos últimos três anos, as exportações portuguesas para o Reino Unido cresceram cerca de três vezes mais que o ritmo global de crescimento das exportações. Acredito, pois, que Portugal queira manter uma forte relação comercial com o Reino Unido.

Alguns dos produtos que comercializávamos há 300 anos continuam a ser muito importantes hoje - incluindo, claro, o Vinho do Porto. Mas a relação comercial entre os nossos dois países é muito mais vasta, reflexo da integração das cadeias de abastecimento na maioria das indústrias, a nível europeu e mundial. Nas indústrias automóvel, farmacêutica, eletrónica e de tecnologias de informação existem hoje fluxos comerciais significativos em ambos os sentidos.

Os laços de investimento também são significativos. O Reino Unido é a terceira maior fonte de IDE em Portugal e valorizamos os fluxos de investimento português no Reino Unido. Nos últimos anos, temos visto importantes investimentos de empresas portuguesas, gerando emprego e acrescentando valor à nossa economia em sectores como o farmacêutico, transportes, energia, software e construção.

As relações económicas têm uma dimensão humana importante. Nos últimos anos, o Reino Unido tornou-se o principal destino para a emigração portuguesa, incluindo um número significativo de trabalhadores qualificados em ciências, serviços financeiros e saúde, fazendo a comunidade portuguesa no Reino Unido, que muito valorizamos, crescer para um número próximo das 400 mil pessoas. A presença britânica em Portugal é menor, mas de longa data. Uma comunidade residente de cerca de 40 mil pessoas encontra-se hoje espalhada um pouco por todo o país. Os visitantes britânicos são, de longe, a maior fonte de turismo estrangeiro para Portugal. Nos últimos anos, temos visto o número de turistas britânicos crescer consistentemente, e estimamos que o mesmo ultrapasse os 3 milhões este ano.

Considero prematuro tentar quantificar o impacto económico do Brexit em Portugal. Este dependerá da forma como moldarmos a nossa futura relação com a UE e, igualmente importante, da transição entre a realidade como a conhecemos hoje e esse futuro modelo. Mas acredito que ambos os lados partilham o interesse em encontrar uma solução pragmática e construtiva para o futuro.

Portugal e o Reino Unido estão unidos pela mais antiga aliança, uma aliança que perdura há mais de 600 anos. Mas esta aliança não é só história: os laços que nos unem, incluindo os fluxos de bens, serviços e pessoas, permanecem hoje tão fortes como no passado e estamos muito empenhados em renovar e projetar esta aliança no futuro.

OPINIÃO
A Santa Casa da Misericórdia de Paris
Daniel Bastos
Historiador
Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades
José Cesário
Deputado
Ser português fora é ter Portugal dentro
Isabelle Coelho-Marques
Presidente da NYPALC
DISCURSO DIRETO
Portugal Maior
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
«Português é uma língua com valor universal»
Luís Faro Ramos, presidente do Instituto Camões
PORTUGAL
«A China está pronta para nos acolher»
José Augusto Duarte, Embaixador de Portugal na China
CHINA
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ