ÚLTIMAS
NOTÍCIAS

Foto Discurso Direto
Presidente da Associação Empresarial de Portugal
2018-03-05
Forte aceleração das exportações

A AEP congratula-se com a forte aceleração das exportações, que registaram um crescimento nominal de 10,1%, quando em 2016 tinha sido de apenas 0,8%, segundo os dados que o INE divulgou hoje sobre o comércio internacional de bens em 2017.

Para a AEP é gratificante que no ano passado as exportações de bens tenham atingido, em termos de valor e de peso no PIB, o máximo desde que há registo.

São dados que demonstram o esforço significativo das empresas no seu processo de internacionalização e, simultaneamente, o enorme reconhecimento da qualidade dos seus produtos pelos mercados internacionais. Em particular o crescimento das vendas para fora da União Europeia, em cerca de 15%, com principal enfoque nos Estados Unidos, Angola, Brasil e China, mercados em relação aos quais a AEP tem vindo a apoiar massivamente as empresas portuguesas.

Como menos positivo, a AEP sublinha o agravamento do défice da balança de bens, em 23,4%, em resultado de um aumento das importações (12,5%) acima das exportações, ainda que, em parte, associado à maior dinâmica da importação de bens de equipamento, face às necessidades de investimento, conduzindo a um valor da taxa de cobertura já ligeiramente abaixo de 80%.

Esta tendência crescente das importações, não só pelo reforço do investimento, mas também do consumo, tem sido atenuada pelos esforços de valorização da oferta nacional em que a AEP está empenhada, conjuntamente com outras entidades, no âmbito do programa “Portugal Sou Eu”, o qual regista já cerca de 8.000 produtos com Selo atribuído e 640 estabelecimentos aderentes de comércio e serviços.

Enquanto se aguarda os números finais de 2017 relativos ao comércio internacional de serviços, é de esperar a continuação de um saldo positivo na balança de bens e serviços, bem como, um aumento da intensidade exportadora.

A AEP continuará fortemente empenhada no apoio ao processo de internacionalização das empresas, apelando para que este apoio constitua, também, um importante desígnio e foco de orientação das políticas públicas, em benefício do desenvolvimento económico sustentado do país.

OPINIÃO
A Santa Casa da Misericórdia de Paris
Daniel Bastos
Historiador
Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades
José Cesário
Deputado
Ser português fora é ter Portugal dentro
Isabelle Coelho-Marques
Presidente da NYPALC
DISCURSO DIRETO
Portugal Maior
José Caria, diretor-adjunto da PORT.COM
PORTUGAL
«Português é uma língua com valor universal»
Luís Faro Ramos, presidente do Instituto Camões
PORTUGAL
«A China está pronta para nos acolher»
José Augusto Duarte, Embaixador de Portugal na China
CHINA
REDES SOCIAIS
GALERIA DE FOTOS
QUIZ