Janeiro 27, 2023

Revista PORT.COM

Informações sobre Portugal. Selecione os assuntos que você deseja saber mais sobre no Revistaport

B-SAD venceu o Lancashire Villarreal por 4-1 e avançou na Tazza de Portugal

O B-SAD pôs fim à invencibilidade do Länk Vilaverdense com uma vitória por 4-1 nos oitavos-de-final da Taça de Portugal.

Diego Lopes colocou os visitantes na frente 17 segundos depois, antes de Jefferson ampliar a vantagem aos 20 minutos.

O Villarreal deu a volta por cima na 66ª partidaM Kickass cabeceou um escanteio para a própria rede no minuto.

É PortugalGOAL Mateus Marshall Reportagens de Campo Cruz Do Reguengo.

Os espectadores ficam sem blocos

A B-SAD não poderia ter começado melhor, assumindo a liderança aos 17 segundos em Vila Verde. Uma rápida jogada pela direita viu Diego Lopes acertar o cruzamento de Samuel Lopado.

Länk Vilaverdense fez inúmeros cruzamentos para a área, com o extremo congolês Brian Sibenga a usar a sua malandragem e habilidade para tentar quebrar o flanco esquerdo.

Rúben Marques esteve perto dos donos da casa, com o remate a desviar-se para o canto superior, antes de Gonzalo Tabuaso mergulhar a toda a força para rematar ao lado. Sibenga cortou para dentro e disparou por cima da barra antes que o P-SAD aumentasse a vantagem.

Outro gol bem trabalhado da direita veio aos 20 minutos, cruzamento de Chico Teixeira para Jefferson, que teve tempo de tocar antes de acertar o fundo da rede.

O vilaverdense lutou para acertar passes ou criar chances para o resto do primeiro tempo, enquanto o campo molhado lentamente se transformava em um estábulo.

Vilaverdense assume o comando

O treinador do Villarreal, Ricardo Silva, fez duas alterações ao intervalo, com Carlos Freitas e Willian Diaz a trocarem o seu flanco direito por Miguel Pereira e Bruno Silva. O atacante do B-SAD se machucou no início do segundo tempo e foi substituído por Kickass.

Os donos da casa mostraram muita companhia para voltar ao jogo, com Zé Pedro a ter uma grande oportunidade defendida por Tabuaco.

READ  Bloom Energy está a expandir a sua presença em Portugal e Espanha

Os donos da casa voltam ao jogo

O líder do B-SAD, Nandino, fez a tripla troca aos 66 minutos, antes de sua equipe recuar menos de um minuto depois, quando Gigas cabeceou um canto de Yannick Semedo para a própria rede.

Silva trouxe o artilheiro Edmilson para trazer a coroa potencial com os anfitriões pretendidos de Silva.

B-SAD tempo tempestuoso

Os visitantes cavaram fundo e ampliaram a vantagem de pênalti aos 78 minutos. Joyce Rios derrubou Tomás Castro desajeitadamente, Gigas intensificou e mandou Cajo para o lado errado.

Villaverdens lançou jogadores para a frente na tentativa de empatar o jogo, mas não conseguiu ultrapassar Tabuaso. Um remate de Semedo à entrada da área forçou uma excelente defesa ao jovem de 21 anos.

O B-SAD acrescentou algum brilho ao resultado no minuto final dos descontos, libertando Gigas antes de rolar a bola para Edgar Pacheco que encontrou no canto inferior.

Nada é permanente

O Länk Vilaverdense teve um início de temporada incrível, invicto nos primeiros 17 jogos da temporada e com dois pontos de vantagem na liderança do Grupo A da Liga 3.

O clube promovido Portimonense derrotou o Daza de Portugal na terceira rodada, antes de avançar para as oitavas de final com uma vitória retumbante por 7 a 0 sobre o Hospital Oliveira.

A turma de Ricardo Silva tem apresentado um futebol atrativo, sobretudo no Campo Cruz do Reguengo onde marcou 15 golos nos últimos três jogos antes da derrota frente à B-SAD.

Acima está B-SAD

O B-SAD está invicto há cinco jogos e pretende regressar pela primeira vez à Primeira Liga. Chegou a Vila Verde invicto há quatro jogos, incluindo três jogos consecutivos sem sofrer golos.

READ  Cientista de Hyderabad quer comprar um celular de Portugal

Nandino tem alguns jovens talentosos e Gonzalo Tapuacco fez várias defesas brilhantes.

O clube lisboeta avança para os quartos-de-final do Dakar de Portugal, onde terá como objetivo o apuramento em Famalicão.

Confusão de nome de clube

A partida contou com dois clubes com alguns dos nomes mais confusos do futebol português.

O Vilaverdense FC foi formado em 1953 e é um guerreiro regular nas divisões inferiores. A empresa canadense Länk comprou 90% do clube em 2020 e mudou o nome para incluir a empresa.

[GanhouaPrimeiraLigaem1945-46eaTaçadePortugalem1942-1960e1989eseseparoudoCFOsBelenensesclubehistóricodeBelémfundadoem1919paraformaroB-SADem2018[1945-46இல்பிரைமிராலிகாவைவென்றதுமற்றும்19421960மற்றும்1989இல்TaçadePortugalஐவென்றதுமற்றும்1919இல்நிறுவப்பட்டவரலாற்றுபெலெம்கிளப்பானCFOsBelenensesஇலிருந்துபிரிந்து2018இல்B-SADஉருவானது