Julho 7, 2022

Revista PORT.COM

Informações sobre Portugal. Selecione os assuntos que você deseja saber mais sobre no Revistaport

Como é a relaçao entre a tecnologia e a Geração Z

 

Conhecemos um mundo que é dividido em gerações e quanto mais o tempo passa é possível entender o motivo, principalmente após o boom tecnológico. Enquanto a Geração Baby boomers e X aproveitavam os Cassinos de forma presencial, a geração Y, Z e a Alfa já aproveitam dos jogos de caça níquel online, por exemplo.

No geral, o consenso é que as gerações são:

Baby boomers: 1946 – 1964

Geração X: 1965 – 1980

Geração Y ou Millennial: 1981 – 1996

Geração Z: 1997 – 2010

Geração Alfa: 2010 – Sem definição

A Geração Z é a geração que mais requer a tecnologia a seu favor e que possui um comportamento que pode ser visto como extremo em relação às outras por diversos motivos.

Geração Z e o mercado de trabalho

Grande parte da Geração Z já deveria estar entrando no mercado, mas buscam ao invés do valor puramente financeiro como aconteceu em gerações anteriores, a sua paixão.

Essa geração é mais dependente financeiramente dos pais mas se diz mais independente emocionalmente.

Eles nasceram em um mundo já imerso na tecnologia e nas redes sociais, onde o estudo e conhecimento não vem baseado apenas na televisão, em estudos e na sociedade de maneira íntima. O conhecimento da Geração Z vem de pessoas de diferentes países, diferentes profissões e que muitas vezes não são conhecidas em geral ou famosas.

A fama é outro ponto excêntrico em relação à essa geração. Nas gerações anteriores era muito comum que uma pessoa tivesse fama por algo específico, mas hoje, é possível ser famoso através da internet com assuntos relacionados ao dia-a-dia como a limpeza da casa, as viagens feitas, a conversa com os amigos. O ganho de dinheiro é um ponto incógnito já que se pode ganhar dinheiro apenas por “viralizar”.

READ  Bruno Fernandez marca dois centenários para Portugal no Mundial

Startups e jovens milionários

O que essa geração também tem de sobra é a imaginação e a vontade de progresso. É possível ver um crescimento em relação às startups e empreendedores com menos de 25 anos, que conseguem investimentos milionários e influenciam pessoas ao redor do mundo através da tecnologia.

A ideia de se tornar um milionário aos 20 anos não é mais tão absurdo como muitos das gerações anteriores acreditam que seja. A tecnologia está se tornando cada vez mais a base do mundo e aqueles que conseguem lançar empresas com esse viés podem abrir as portas para um mundo bem diferente do que seus pais conhecem e de uma forma muito rápida.