Agosto 13, 2022

Revista PORT.COM

Informações sobre Portugal. Selecione os assuntos que você deseja saber mais sobre no Revistaport

A CNH do Brasil é válida em Portugal; Veja como funciona

O presidente português Marcelo Rebelo de Sousa anunciou que a CNH do Brasil será válida para cidadãos brasileiros residentes em Portugal.

A medida foi anunciada nesta quarta-feira (6), e outros motoristas da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) e da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) ainda não usufruíram dos benefícios, informa o jornal Expresso. .

A decisão será ainda publicada no jornal oficial de Portugal, o Diário da Repubblica.

Os países destinatários incluem Brasil, Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor Leste, bem como pessoas da Austrália, Canadá, Chile, Colômbia e Coreia do Sul. Costa Rica, EUA, Israel, Japão, México, Nova Zelândia, Suíça e Turquia.

Os condutores podem utilizar o documento emitido no seu país de origem até ao seu período de validade. Em seguida, você precisa mudar para a versão em português.

Antes da decisão, apenas cidadãos da União Europeia, Reino Unido, Noruega, Islândia e Liechtenstein podiam residir em Portugal e conduzir com documento emitido no seu país de nascimento.

Durante esses três meses, você pode dirigir com um documento brasileiro. Após esse período, os brasileiros têm até dois anos para solicitar a troca de uma carteira de habilitação portuguesa válida, mas não podem dirigir de acordo com a legislação local.

Para ter acesso a um documento válido, é necessário pagar cerca de 30 euros e passar por uma avaliação médica. Após dois anos, houve a necessidade de renovação do sistema tradicional, o que exigiu um novo test drive.

READ  Didi Haman acha que a Irlanda pode causar problemas a Portugal

Brasileiros que ficam em Portugal por até 185 dias como turistas não precisam lidar com alterações de documentos e podem dirigir normalmente.

Apesar da burocracia reduzida, a Mobilidade e Transportes (IMT), agência responsável pela emissão de cartas de condução em Portugal, enfrenta desafios na troca de documentos para estrangeiros.

Segundo o Público, outro meio de comunicação social do país, a lista de espera de documentos pendentes atingiu 18 mil unidades em fevereiro deste ano, sobretudo devido à pandemia de Covid-19, aumento de pedidos e falta de digitalização de documentos. definições.